Para Sir Phillip, com amor



"Eloise Bridgerton é uma jovem simpática e extrovertida, cuja forma preferida de comunicação sempre foram as cartas, nas quais sua personalidade se torna ainda mais cativante. Quando uma prima distante morre, ela decide escrever para o viúvo e oferecer as condolências. Ao ser surpreendido por um gesto tão amável vindo de uma desconhecida, Sir Phillip resolve retribuir a atenção e responder. Assim, os dois começam uma instigante troca de correspondências. Após alguns meses, uma das cartas traz uma proposta peculiar: o que Eloise acharia de passar uma temporada com Sir Phillip para os dois se conhecerem melhor e, caso se deem bem, pensarem em se casar? Ela aceita o convite, mas em pouco tempo eles se dão conta de que, ao vivo, não são bem como imaginaram. Apesar disso, nos raros momentos em que Eloise fecha a boca, Phillip só pensa em beijá-la. E cada vez que ele sorri, o resto do mundo desaparece e ela só quer se jogar em seus braços. Agora os dois precisam descobrir se, mesmo com todas as suas imperfeições, foram feitos um para o outro."

Para Sir Phillip, com amor, é o quinto volume da serie de oito livros,  Os Bridgerton da Julia Quinn, e foi publicada aqui no Brasil pela editora Arqueiro, cada livro conta uma aventura romântica dos filhos da senhora Violete Bridgerton, e este livro em questão é meu favorito, e eu vou contar porque!

Sir Phillip Crane tem dois filhos gêmeos, Amanda e Oliver, frutos de um casamento nada feliz com Marina, uma mulher depressiva e que morre inesperadamente, fazendo com que ele fique maluco ao educar seus filhos sozinho.

Eloise Bridgerton é uma jovem extrovertida, que tem como passatempo escrever cartas para amigos e familiares, e ao ficar sabendo que sua prima longínqua morreu, ela escreve uma carta  com suas condolências para o marido viúvo ,  e oque ela não esperava era que, ele responderia e que a partir disso eles continuariam trocando cartas por um bom tempo!

Com o passar do tempo, os dois ficam mais próximos por suas correspondências, e Phillips decide fazer um convite para Eloise, ele a chama para passar alguns dias em sua casa (Oque eu achei bem "para frente" levando em conta as normas de etiquetas naquela época), é claro que ele pensa que ela é uma solteirona nada bonita, pois já passou da época de casar faz um tempo, mas ele estava muito enganado em relação a isso, porque Eloise decide ir a casa dele sem mais nem menos, deixando ele surpreso com sua atitude e é claro sua aparência.

A recepção nada calorosa decepcionou Eloise, mas isso não foi o bastante para ela desanimar, ela decide ficar e explorar mais de seu anfitrião, e nos mostra que é uma mulher engenhosa e forte, pois não se abala com as traquinagens dos filhos de Phillip (Eles são terríveis!)  e bate de frente com ele quando necessário.

Eu gostei muito desse livro, chego a dizer que é o meu favorito da serie, pois o casal tem uma química imensa até por cartas, e Eloise é tudo oque eu admiro em uma personagem, ela é decidida, sabe exatamente oque quer, e luta por isso, uma prova disso é sua relação com Phillip, ele é um homem muito fechado, e muitas vezes ele foi indelicado com a nossa protagonista, porém ela sobreviveu a tudo e mostrou para ele quem é que mandava! 

Eu super indico esse livro para os leitores que amam casais com diferenças de humor, Eloise é a maior tagarela enquanto Phillip é na dele, não é de muitas palavras, mas isso não fez dele um homem chato, até porque no desenrolar da historias vamos descobrindo os motivos que o levaram a ficar daquele jeito. Achei muito interessante como  os dois acabaram se entendendo no decorrer do livro e como cada um deles descobriu o amor!

Por Jéssica.

0 comentários :

Postar um comentário