Fake Love - Book Tag

Olha eu chegando aqui com mais uma Book Tag (e mais uma tag relacionada o BTS, né?). Essa tag foi criada
pela Karine do Kabook TV. Quem quiser assistir ao vídeo original, é só clicar aqui.
Mas agora, vamos parar de enrolação e começar a responder essa tag:



1) Por você eu seria capaz de fingir estar feliz mesmo estando triste:
Um livro que te fez rir, mas que também te fez chorar.


Eu juro que tentei escolher outro livro que não fosse A Culpa é das Estrelas, mas acho que nenhum livro
me fez rir e chorar na mesma proporção que esse. Foi um livro que me abalou muito, e até hoje não
consegui reler, mas se tornou um dos meus favoritos da vida.

2) Eu queria que o amor fosse perfeito por si só:


Um livro tão lindo que chega a dar um quentinho no coração.




Orgulho e Preconceito é meu livro favorito da vida! Mas acho que Persuasão é mestre em dar o quentinho
no coração. No início, a gente fica com pena da Anne por ela ter que ver o grande amor de sua vida,
cortejando outra. Só que aos poucos, tudo vai se encaixando. Ela é aquele tipo de personagem injustiçada,
que consegue tudo no final. Sem contar que tem a melhor carta literária já escrita por um personagem
(Capitão Wentworth, se a Anne não estiver disponível, pode me ligar, mandar carta, mensagem no wpp... )

3) Eu plantei uma flor que não pode florescer, em um sonho que não pode ser real:

Um final de livro que te decepcionou totalmente!

Eu Li O Grande Gatsby há uns 8 anos e foi minha primeira experiência com a literatura americana do
início do século passado. Eu achava que Gatsby merecia um final melhor. Ele era um grande sonhador
e construíra sua vida e vivia essa mesma vida em prol de reconquistar seu grande amor. Mas a vida nem
sempre é como a gente quer... e nem o final desse livro!

4) Eu sinto muito, mas é um amor falso:

Um livro que você sente que amou sozinho.



Eu não amei sozinha (afinal conheço pelo menos uma pessoa que seja tão louca quanto eu), mas de um
modo geral, não vi muita gente comentando sobre esse livro. E esse livro precisa ser falado! Basicamente,
ele é uma adaptação moderna de Orgulho e Preconceito, mas que traz questões tão atuais! Prometo que
em breve vou fazer um post sobre ele no blog!

5) Eu esqueci a rota pela qual eu vim, eu até mesmo esqueci quem eu era:

Um personagem que sofreu uma grande transformação durante sua jornada.




Peeta começou como um garoto inocente que por azar foi selecionado para os jogos. Ainda no primeiro
livro, a gente percebe o quanto ele muda durante os jogos. No entanto, acho que é no segundo que essa
diferença fica mais gritante. Ele não é mais o garotinho assutado que estava conformado em morrer na
arena, ele agora está disposto a lutar e vencer. Ele sabe e faz o que é preciso para proteger ele e Katniss.

6) Te amo tanto que construo uma mentira pra você:


Um livro com plot twist que te deixou bugado.





Garota exemplar foi um marco nos livros de suspense e, sem dúvidas, apresenta um plot twist que a
maioria não esperava. Sinceramente, eu amei toda a trama desse livro, embora tenha ficado com raiva
do final.

7) Eu queria que todas as minhas fraquezas pudessem ser escondidas:

Um gênero de livro pra qual você sempre corre quando está de ressaca.


Acho que durante as ressacas, a gente tem que recorrer ao que nos deixa confortáveis. Não adianta pegarmos aquele livro maravilhoso e inovador que nos recomendaram, porque há grandes chances de que ele não vá funcionar. Para mim, minha zona de conforto são os Romances de Època. São rápidos de ler, você quase não sofre e o melhor: você sempre sabe o final!

0 comentários :

Postar um comentário